O GAMBITO DA RAINHA

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn

Artista: Anya Taylor –Joy

Netflix – Filme em série 

Beth Harmon é a personagem desta historia.  Orfã, muito jovem, perdeu seus pais em acidente automobilístico, e foi educada em um orfanato para crianças. Lá teve oportunidade de conhecer um senhor que trabalhava neste orfanato e que a iniciou nos primeiros passos do xadrez.

A menina era prodígio, e a com estes ensinamentos acrescidos de leituras em livros e revistas que ela pegava em uma livraria em frente ao orfanato pode dar-lhe um grande impulso aos conhecimentos que foram sendo adquiridos (ela conseguia visualizar as jogadas no tabuleiro do teto do seu quarto).

Beth logo foi adotada por uma rica senhora, que vivia sozinha e que ficou responsável pelos seus cuidados. Se deram muito bem neste relacionamento que proporcionou a Beth tempo e condições pra se dedicar ao que mais queria, desenvolver os seus conhecimentos no xadrez.

Foi neste período que Beth também desenvolveu o uso de bebidas. A ricaça tinha este habito, talvez adquirido pela vida solitária.

O filme é ambientado no anos de 1960 e, nesta época eram poucas as jogadoras  nas ligas importantes do xadrez.

Através de Beth, o xadrez também entrou nas grifes de modas e de roupas, levando-a dos seus  dias de órfã para esta vida cheia de fama e de glamour, participando em torneios em Las Vegas, Paris e Moscou.

O entrelaçamento  da moda com o xadrez não é novo mas foi a primeira vez  para as telas de maneira tão brilhantes.

Beth finalmente conseguiu participar do Campeonato Mundial na Russia e tornar-se campeã chegando ao ápice da sua carreira. Num campo dominado por homens, Beth é um ídolo repentino de um estilo de vestir.

Vale a pena assistir .

Você também pode gostar de: